Image Image Image Image Image

Abelhas Nativas Sem Ferrão

ABELHAS NATIVAS SEM FERRÃO

As abelhas tradicionalmente utilizadas como produtoras de mel – as chamadas Apis melífera – foram trazidas da Europa e da África e, escapando dos sistemas de cultivo, povoaram o Brasil e são hoje encontradas por toda parte. Estas abelhas produzem mel, mas nos causam temor devido aos sérios acidentes com suas picadas.
Porém, o que muita gente não sabe, é que temos no Brasil abelhas indígenas que não ferroam e são muito importantes para a polinização da lavoura e da vegetação nativa. Estas abelhas pertencem ao grupo dos Meliponíneos e são popularmente conhecidas por ASF (abelhas sem ferrão). Muitas vivem isoladamente não formando colméias, mas ninhos em troncos de árvores mortas, no solo ou em abrigos que constroem com barro. Outras formam colmeias e podem ser criadas em sistemas artificiais com a finalidade de produção de mel ou mesmo como uma forma de proteção a espécies que muitas vezes encontram dificuldade de sobreviver em ambientes antrópicos. À criação de abelhas nativas sem ferrão damos o nome de meliponicultura.
Trago como proposta a implantação de colmeias de Meliponíneos em jardins urbanos com finalidade ornamental e educativa, divulgando a existência destas abelhas e a necessidade de sua conservação.